ANTEVISÃO | Alavancar esperanças

1 mes atrás 36

Um empate. Uma vitória. Foi esta a senda de resultados obtida por Dinamarca e Inglaterra, respetivamente, na primeira jornada da fase de grupos do Campeonato da Europa. Esta quinta-feira, um procura melhorar e o outro continuar.

Os dinamarqueses chegam a este duelo em Frankfurt com o peso do único ponto amealhado diante da Eslovénia. E falamos de peso porque a vitória esteve perto de ser alcançada, mas a bola teimou em não entrar na baliza. 

A turma de Kasper Hjulmand demonstrou um grande poderio ofensivo que, esta quinta-feira, pode ser fundamental para bater a sempre poderosa e histórica Inglaterra. No entanto, a falta de pontaria frente ao alvo pode ser inimiga.

Não se esperam grandes alterações no onze inicial que tem Christian Eriksen como maestro - tanto Morten Hjulmand como Alexander Bah como representantes da Liga Portugal Betclic. Do outro lado, idêntico.

A seleção inglesa não deverá apresentar mudanças nas escolhas que Southgate fez frente à Sérvia, mesmo aliado à pouca produtividade ofensiva apresentada.

Se Eriksen é maestro de um lado, Bellingham é o do outro. No último duelo, voltou a fazer diferença perante os sérvios e tem tudo para o fazer outra vez. A mobilidade no ataque pode vir a ser um ponto fundamental para os ingleses sonharem já com a garantia de passagem à próxima fase da prova.

Esta é uma jornada em que esperanças podem ser alavancadas e basta «apenas» alcançar os três pontos.

Ler artigo completo