Central nuclear bombardeada. Zelensky acusa Rússia de "ato desprezível"

4 dias atrás 20

A maior central nuclear da Europa fica na Ucrânia e voltou a ser atacada esta noite. Zaporizhzhia foi alvo de dois bombardeamentos.

A empresa controlada pelo Estado ucraniano, que opera a central nuclear, alerta para o "risco de fuga de hidrogénio e pulverização radioativa".

Há um incêndio no local.

Kiev e Moscovo trocam acusações e culpas pelo incidente.

A Rússia diz que terroristas ucranianos decidiram colocar toda a Europa à beira de uma catástrofe nuclear.

Volodymyr desmente e acusa os russos de serem responsáveis por "um crime descarado e um ato de terrorismo".

Avisa que o risco de uma tragédia vais ser maior e pior do que o que aconteceu em Chernobyl, em 1986.

Ler artigo completo