Conceição: «Não é salvar a época, FC Porto tem de lutar por títulos»

1 mes atrás 35

Sérgio Conceição recusa a ideia de que a Taça de Portugal pode ser a tábua de salvação de uma época negativa para o FC Porto. O treinador lembra que a sua equipa esteve em quatro das últimas cinco finais

«Não é salvar a época, uma equipa como o FC Porto tem de lutar por títulos. Temos a possibilidade de amanhã ter uma passagem, mais uma vez, para a final. Não nos podemos esquecer que nas últimas cinco edições da Taça fomos quatro vezes à final», começou por destacar em conferência de imprensa.

Mais de uma salvação, Conceição entende que chegar à final e lutar pelo título é uma obrigação para o clube. «É importante referir isto, porque é importante reforçar que nós lutamos por títulos, andamos sempre à procura e amanhã temos de ser competentes para ultrapassar uma equipa bastante difícil como o Vitória, bem trabalhada, com jogadores já com alguma experiência. Esse é o nosso trabalho, não é para salvar nada, é para estar presente em mais uma decisão de um título. Esse é o principal objetivo», acrescentou.

Um jogo em que o FC Porto não vai poder contar com Evanilson que vai cumprir um jogo de castigo. Da última vez que o avançado brasileiro esteve indisponível, Conceição apostou em Namaso, mas agora também tem disponível Taremi que, no último jogo, também com o Vitória, para a Liga, saltou do banco e marcou um golo.

«Vamos ver, já tinha dito que não digo as equipas. Excecionalmente já falei num ou noutro jogador, mas amanhã vão ver. Depende da estratégia que tenho definida para o jogo», comentou.

Outra ausência confirmada é a do guarda-redes Diogo Costa que contraiu uma lesão muscular, mas o treinador não quis revelar se o internacional português fazia parte dos planos para este decisivo jogo da Taça.

«O Diogo Costa tem estado sempre convocado, sempre que está disponível, fisicamente. Nunca dou a equipa no dia anterior, mas o Diogo fazia parte do grupo, já jogou a titular na Taça e já ficou no banco e jogou o Cláudio [Ramos], dependia do que eu decidisse. Infelizmente não pode estar no grupo, vão estar outros três guarda-redes, sendo que um fica de fora normalmente, um vai para o banco e outro joga a titular», referiu ainda.

Ler artigo completo