Conflito entre Israel e Palestina. Egito está a mediar.

4 dias atrás 15

Médio Oriente

06 ago, 2022 - 03:06 • Núria Melo com Agências

A República Árabe do Egito diz estar a desenvolver contactos intensos e contínuos para tentar conter a situação em Gaza e proteger vidas e bens.

Um conflito que começou após o ataque israelita a Gaza que matou o 'número dois' da Jihad Islâmica Palestiniana informação divulgada por uma fonte governamental.

A República Árabe do Egito diz estar a desenvolver contactos intensos e contínuos para tentar conter a situação em Gaza e proteger vidas e bens.

Garantia deixada pelo ministro do Exterior egípcio, em comunicado.

O Egito, que foi o primeiro país árabe a reconhecer o Estado de Israel, em 1979, e que tem fronteira com Gaza, tem sido, o principal interlocutor entre o Governo israelita e as milícias palestinianas, assim como entre as diferentes fações palestinianas.

Em maio desempenhou um papel decisivo para que o exército israelita e as milícias palestinianas, em Gaza, concordassem com uma trégua após onze dias de confrontos na pior escalada militar entre ambos desde 2014.

A nação árabe tenta repetir essa ação, após a ofensiva lançada contra a Jihad Islâmica por Israel, que a considerou "preventiva", e o lançamento de foguetes, em retaliação, por parte daquela organização palestiniana.

Destaques V+

Ler artigo completo