Governo admite fixar idade mínima para andar de trotineta elétrica

6 dias atrás 19

Os jovens são quem mais utiliza as trotinetas elétricas partilhadas, mas em caso de acidente os menores não estão abrangidos por qualquer seguro, já que as empresas de aluguer a operar em Portugal limitam a sua utilização a maiores de 18 anos. A DECO Proteste e a Prevenção Rodoviária Portuguesa (PRP) já alertaram para o problema e consideram “urgente” uma alteração dessa regra, de forma a incluir os jovens a partir dos 14 anos, garantindo-lhes uma maior proteção. A idade mínima para usar estes meios de transporte é precisamente uma das questões que está agora em análise pelo Executivo, segundo o Ministério da Administração Interna.

“O Governo está a estudar diversas medidas que contri­buam para o aumento da segurança na utilização destes veículos em particular e da segurança rodoviária em geral, entre as quais a questão da idade”, indica ao Expresso o gabinete do ministro da Administração Interna, José Luís Carneiro. “Sendo a segurança rodoviária uma prioridade política para o Governo, acompanhamos com atenção as alterações legislativas que ocorrem em diversos países, nomeadamente da ­União Europeia, e que contribuem para diminuir o número de acidentes de viação.”

Este é um artigo do semanário Expresso. Clique AQUI para continuar a ler.

Artigo Exclusivo para assinantes

No Expresso valorizamos o jornalismo livre e independente

Já é assinante? Assine e continue a ler

Comprou o Expresso?

Insira o código presente na Revista E para continuar a ler

Ler artigo completo