Medvedev avisa EUA: “Não julgues e não serás julgado, para que o grande dia da Sua ira não chegue”

1 mes atrás 19

O antigo Presidente da Rússia e atual vice-secretário do Conselho de Segurança da Rússia acusou os EUA de tentarem “espalhar o caos e a destruição pelo mundo pelo bem da 'verdadeira democracia'".

Russia Holds 75th Anniversary Victory Parade Over The Nazis In WWIIi

Medvedev foi Presidente russo entre 2008 e 2012

Host Photo Agency via Getty Imag

Medvedev foi Presidente russo entre 2008 e 2012

Host Photo Agency via Getty Imag

Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Dmitry Medvedev, vice-secretário do Conselho de Segurança da Rússia, avisou esta quarta-feira os Estados Unidos da América que os esforços em auxiliar as investigações das ações de Moscovo na Ucrânia poderão levar a uma “situação apocalíptica”.

De acordo com a Sky News, um dos mais próximos aliados de Putin acusou os EUA de tentarem “espalhar o caos e a destruição pelo mundo pelo bem da ‘verdadeira democracia’”.

Ao pedido de Washington para que um tribunal internacional acusasse e julgasse os crimes de guerra da Rússia em solo ucraniano, o vice-secretário respondeu lembrando que “toda a história dos EUA desde os tempos da subjugação dos nativos americanos representa uma série de guerras sangrentas”.

Os Estados Unidos e os seus idiotas inúteis deviam lembrar-se das palavras da Bíblia: Não julgues e não serás julgado, para que o grande dia da Sua ira não chegue”, disse Dmitry Medvedev, numa referência à possibilidade de uma escalada de conflito rumo a uma guerra nuclear.

Dmitry Medvedev, o bom aluno do Kremlin

1/7/2022, 2:07

Recomendamos

Euro

5/7/2022, 13:09

A página está a demorar muito tempo.

Ler artigo completo