Ministério Público acusou dois fuzileiros pela morte de agente da PSP

1 dia atrás 11

por RTP

O MP acusou dois fuzileiros pela morte do agente da PSP Fábio Guerra. Os dois homens, que estão em prisão preventiva, vão responder pelos crimes de homicídio qualificado e ofensas à integridade física. Os factos aconteceram na madrugada de 19 de março, junto à discoteca Mome, em Lisboa.

pub
Ler artigo completo