PSP detém cinco pessoas em operação policial realizada esta madrugada em Lisboa

2 meses atrás 19

A PSP de Lisboa deteve esta madrugada cinco pessoas suspeitas dos crimes de tráfico de droga e posse de arma proibida, após uma operação policial no Cais do Sodré e Bairro Alto, foi hoje divulgado.

Em comunicado, o Comando Metropolitano de Lisboa da PSP (Cometlis) explica que se tratou de uma "Operação Especial de Prevenção Criminal, realizada "no âmbito da lei que estabelece o regime jurídico das armas e munições".

"Considerando a prática de ilícitos criminais nas zonas do Cais do Sodré e Bairro Alto, cometidos com recurso a armas proibidas, nomeadamente roubos e ofensas corporais, foi desenvolvida uma ação de controlo e identificação de suspeitos, no período compreendido entre as 00:00 e as 06:00, de forma a complementar o policiamento que se tem vindo a realizar aos fins de semana", justifica o Cometlis.

No decorrer desta operação, as autoridades abordaram mais de uma centena de pessoas, tendo resultado a detenção de cinco delas, sendo duas pelo crime de tráfico de droga, outras duas por posse de produto estupefaciente e uma por posse de arma proibida.

As autoridades notificaram também um cidadão para regularização da sua situação em Portugal e deram cumprimento a duas diligências externas que resultaram no pagamento de coimas e um processo-crime por apreensão de uma arma branca, "encontrada num contexto de diversão noturna".

Na sequência da fiscalização a estabelecimentos comerciais, as autoridades procederam a suspensão de atividade de três, por "falta de higiene", e elaboraram 14 autos de notícia, devido a questões como falta de fatura ao fornecedor, irregularidades no fardamento de segurança privada e uso abusivo de câmaras de videovigilância.

Foi ainda realizada fiscalização rodoviária, tendo sido fiscalizadas 42 viaturas e elaborados 15 autos de contraordenação.

"Através destas ações, é intenção da PSP continuar a reforçar os índices de segurança dos cidadãos em geral e nos utentes das áreas de diversão noturna do Centro de Lisboa em particular", sublinha o Cometlis.

A operação desta madrugada decorreu sob coordenação da 1.ª Divisão Policial, tendo sido destacados cerca de uma centena de polícias das diversas valências da PSP, nomeadamente patrulhas locais, equipas de intervenção rápida, equipas de investigação criminal, entre outras.

Ler artigo completo