Queda de neve isola mais de 6.000 pessoas no Norte de Itália

1 mes atrás 53

Também cerca de 4.500 habitantes estão isolados no vale de Lys, junto ao Monte Rosa, depois que uma avalanche ter afetado a entrada de um túnel em Gaby, localidade que permanece inacessível, próxima aos municípios de Gressoney-La-Trinité e Gressoney-Saint- Jean.

Embora a maioria dos afetados sejam turistas, foi decidido fechar hoje as escolas em três municípios da zona.

O risco de novas avalanches também está a afetar Gressoney-La-Trinité, onde vivem 300 pessoas e se estima que estejam cerca de 3.000 turistas a vários metros de altura.

Outra zona afetada é Gran Paraíso, onde cerca de 2.000 pessoas estão bloqueadas devido ao encerramento preventivo da autoestrada regional.

As autoridades consideram que o perigo de avalanches é elevado, informa a imprensa local.

Outras zonas do norte de Itália também estão a ser afetadas pela queda de neve, com deslizamentos de terra em Vercelli (Piemonte) e Parma (Emilia Romagna), enquanto o vento, que atingiu os 180 quilómetros por hora, e o mau estado de o mar, com ondas de até cinco metros, terá devastado a Ligúria.

A Proteção Civil mantém para hoje o estado de alerta laranja no Piemonte e Emilia Romagna, enquanto Úmbria, Lácio, Abruzzo, Molise, Campânia, Basilicata, Apúlia, Calábria e Sicília estão em alerta amarelo.

Leia Também: Itália investiga recolha de dados sensíveis de políticos e personalidades

Ler artigo completo