Sabe como poupar água? Siga estas 10 dicas

8 meses atrás 157

Em Portugal, o consumo médio diário de água por habitante situa-se nos 186 litros, mas as recomendações da ONU ficam-se pelos 110 litros diários por pessoa. Ou seja, há ainda muito que todos podemos fazer para reduzir o consumo de água no nosso país.

Nesta quarta-feira, dia 22 de março, celebra-se o Dia Mundial da Água e estas 10 dicas  podem ajudá-lo a adotar hábitos diários para poupar água e fazer a diferença, assim como trazer alguma poupança adicional no orçamento familiar.

Aproveitar a água do banho: aquela enorme quantidade de água que todos os dias se gasta até atingir a temperatura desejada pode ser recolhida com um balde e reutilizada para o autoclismo, para regar as plantas da casa, lavar o chão ou até para lavar pequenas peças de roupa à mão.

Instalação de redutores de caudal nas torneiras e chuveiro: de uma forma muito simples, a instalação de um redutor de caudal numa torneira vai diminuir o desperdiço de água entre 50 a 60%. Ao misturar ar na água, estas peças permitem manter a pressão enquanto reduzem a quantidade de água consumida.

Duches curtos, mais saudáveis e divertidos: reduzir o tempo debaixo do chuveiro, fechar a água enquanto se ensaboa e diminuir o tempo do duche para 5 minutos é uma mudança que se vai fazer sentir no longo prazo.

Fechar as torneiras: fechar sempre as torneiras enquanto não se está a utilizar a água, por exemplo ao lavar os dentes, o cabelo ou as mãos.

• Lavar a loiça na máquina: sim, é muito mais eficiente lavar a loiça na máquina, desde que a sua utilização seja otimizada, com a carga completa e recorrendo ao programa ECO.

• Lavar e cozinhar vegetais com menos água: em vez de lavar as frutas e legumes com água corrente, opte por usar um alguidar. Os vegetais também poderão ser cozinhados a vapor. Desta forma, não só consegue poupar água como reter maior quantidade de nutrientes.

• Atenção às torneiras a pingar: ter canos ou torneiras a pingar é uma das principais fontes de desperdício de água. Faça uma revisão do estado de toda a canalização e repare as fugas que encontrar.

• Não deite fora a água do desumidificador: esta água – que é destilada -, pode ser usada, por exemplo, para colocar no depósito do limpa para-brisas do carro, no ferro de engomar e até pode ser usada para lavagens domésticas ou para deitar na sanita.

• Lavandaria mais racional: embora a máquina permita programas com meia carga, os gastos de água e energia são sempre superiores. Será sempre melhor esperar por ter suficiente roupa suja para encher uma máquina completa.

• Ser um modelo para os mais novos: não há nada melhor do que dar o exemplo. Envolva os mais novos nas rotinas explicando-lhes a razão de cada gesto. Água é vida e tê-la disponível à distância de uma torneira é um privilégio. Se todos contribuirmos na preservação deste recurso, estaremos a contribuir para o bem da humanidade e do planeta.

Fonte: Zurich

Ler artigo completo