Semibreve’22 – Dia 4 (Salão Medieval, Theatro Circo): em repouso mas despertos

2 meses atrás 57

pub

Fotografia: Adriano Ferreira Borges/Semibreve

Publicado a: 03/11/2022

Sem saída.

Fotografia: Adriano Ferreira Borges/Semibreve

Publicado a: 03/11/2022

Depois de um fim-de-semana de variadas viagens, o Semibreve viu terminar a sua 12ª edição aos pés de dois concertos que nos deixaram em estado de total flutuação. Ao início da tarde, no Salão Medieval da Reitoria da Universidade do Minho, o primeiro dos últimos concertos do festival foi o de Jan Jelinek, nome indissociável da música contemporânea, uma referência do universo musical contemplativo e um propulsionador de riqueza em elementos sonoros. 

Com uma sala cheia e, para aqueles que tinham estado naquele mesmo lugar em 2019, uma memória que fervilhava na vontade do que aí viria, todo o concerto foi uma construção ponderada e regrada sobre como partir do vazio para um todo que preenche cada parte do nosso corpo. Em torno de Jelinek, todos os rostos repousavam de olhos fechados e, no entanto, ninguém estava a dormir. Apesar da velocidade do fim nos ter deixado vontade de ouvir mais, também o lugar e a memória nos fizeram caminhar até ao Theatro Circo, onde ainda iria acontecer a actuação de Caterina Barbieri, que em 2018 tinha tocado precisamente no mesmo salão medieval de onde tínhamos acabado de sair. 

Com uma bilheteira esgotada há já algumas semanas, as expectativas estavam elevadas para ver que espectáculo Barbieri traria – e não defraudou nem um pouco. Seríamos iluminados por uma sombria evocação do seu mais recente trabalho, Spirit Exit, desta vez num lugar de retorno, que para os mais saudosistas se fez sentir numa viagem desde o passado até ao futuro longínquo. Com o trabalho visual manifesto na composição artística de Ruben Spini, a performance da artista superou tudo o que poderíamos esperar/projectar previamente. Ainda que o tempo sofresse a própria metamorfose da percepção, teríamos ficado uma eternidade na cápsula de tempo que ali se criou. 


pub

Últimos da categoria: Reportagem

Ler artigo completo