Sexta-feira farta: novos trabalhos de bLAck pARty, Kyle Kidd, Calvin Harris, YoungBoy Never Broke Again, Doechii e Black Atlass

1 mes atrás 36

Donald Glover anda mais preocupado com a estreia da nova temporada de Atlantae há novo trailer –, mas os seus aprendizes mantêm a roda a andar com cantos que remetem para outros tempos. Isso e outras cantorias nos episódios que se seguem nesta página.



[bLAck pARty] Hummingbird

O protegido de Childish Gambino está de volta aos discos. bLAck pARty, que pela primeira vez colabora a sério com o seu mentor em “I Love You More Than You Know”, dá um sucessor a Endless Summer (2019), assumindo, em conversa com a OkayPlayer, que se sente mais confortável do que nunca na sua pele. Saba, Gwen Bunn, Kari Faux ou Jean Deaux são outros nomes que se juntam nesta viagem com a década de 70 como pano de fundo.



[Kyle Kidd] Soothsayer

Uma das vozes da banda Mourning [A] BLKstar arrisca-se pela primeira vez a solo em Soothsayer. Em oito faixas, este diário musical de Kyle Kidd, “com a espessura de quem aprendeu a projectar sentimentos a partir do altar da igreja”, conta-nos uma história de quem percebeu através de um desejo muito profundo de se ser salvo por outros que, afinal, o amor próprio era o caminho para a solução de todos esses problemas.



[Calvin Harris] Funk Wav Bounces Vol. 2

Não vamos mentir: só queríamos encontrar algo que se aproximasse de “Slide” em Funk Wav Bounces Vol.2. Mas 2017 já lá vai (e o Frank Ocean mega produtivo e os Migos em estado de graça também), por isso foquemo-nos naquilo que Calvin Harris consegue fazer em 2022. Com muitos ajudantes, obviamente: 21 Savage, Busta Rhymes, Pharrell, Tinashe, Young Thug, Dua Lipa, Jorja Smith, 6LACK ou Pusha T não falharam a chamada.



[YoungBoy Never Broke Again] The Last Slimeto

O prolífico (a Complex aponta-lhe 13 projectos lançados desde 2020) YoungBoy Never Broke Again colocou cá fora The Last Slimeto, trabalho com participações de Kehlani, Rod Wave e Quavo. São mais de 30 faixas do homem que nos mostrou outra faceta sua em “WUSYANAME”, canção do último álbum de Tyler, The Creator.



[Doechii] she / her / black bitch

Sim, “Persuasive” já era um tema óptimo, mas piorou com a remistura em que ouvimos a participação de SZA? Nem um bocadinho. Essa é uma das cinco faixas de she / her / black bitch, o mais recente curta-duração de Doechii, aquela que parece ser a potencial grande estrela da TDE na era pós-Kendrick Lamar. Não tenham medo, venham por aqui…



[Black Atlass] Infinite (Side B)

Teremos sempre “Paris” para agradecer a Black Atlass por, sem o fazer propositadamente, nos ter dado “Bandido Velho” — Allen Halloween, com a “capa” de Maradox Primeiro, ergueu um monumento em cima desse instrumental. Depois de dois álbuns lançados pela XO de The Weeknd, o músico canadiano lançou os dois lados de Infinite de forma independente, fechando uma espécie de círculo: “‘Quem não arrisca, não petisca’, ya, é verdade/ Mas não há melhor petisco do que a liberdade”.

Ler artigo completo