Tecnológica que está a mudar emissões de dívida chega a Portugal

1 dia atrás 11

Longe vão os tempos em que a ideia de uma fintech estava associada a um grupo de jovens que inventa aplicações para gerir, poupar ou transferir dinheiro. Imagine estar mais de 20 anos na banca, perceber que o sector não estava a dar o salto necessário à velocidade que as pessoas – e o próprio mercado – exigem e, através da experiência adquirida, cria um negócio mais moderno. Assim o fizeram Fredrik Creutz e Robert Koller, que gerem uma empresa com sede no Luxemburgo e esta sexta-feira inauguram o seu novo escritório, no Lagoas Park, em Oeiras, onde estarão 20 trabalhadores em outubro.s.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Ler artigo completo