«Tenho três centrais, não fazia nenhum sentido chamar um jogador agora para se sentar»

23 horas atrás 9

Depois de ter sido confirmada a ausência de Pepe, Fernando Santos acabou por não chamar qualquer jogador para o substituir, ao contrário do que aconteceu após as baixas de Raphäel Guerreiro e Rafa Silva. Em conferência de antevisão ao encontro com a Chéquia, o selecionador nacional explicou os motivos que o levaram a tomar essa decisão.

«Tenho três centrais, não vejo razão para convocar um jogador a esta hora. Para chegar aqui e sentar? Não fazia sentido. Convoquei quatro porque confio nos quatro. Neste caso não me pareceu necessário. A primeira sim, porque tínhamos dois laterais esquerdos e convoquei um lateral esquerdo. A segunda, além de uma saída, tinha um jogador que não podia estar neste jogo. Agora não. Tenho três centrais, não havia razão para fazer essa substituição», explicou.

Sobre o adversário do próximo sábado, Fernando Santos alertou para o perigo da seleção da Chéquia, destacando as prestações da equipa checa no Europeu 2020.

«A Chéquia fez um Euro muito bom, criou muitos problemas aos adversários e continuou na Liga das Nações. Em casa, a Espanha empatou no último minuto. Também ganhou à Suíça. É uma equipa com muitos jogadores de qualidade, bem organizada e que cria enormes problemas aos adversários. Conhecemos o adversário, jogamos há pouco tempo. Espero uma equipa semelhante. O que a equipa portuguesa sabe é que tem de olhar para si própria. Respeitamos muito a equipa checa, mas temos um único objetivo, que é ganhar. Para isso temos de impôr o nosso jogo», concluiu.

Ler artigo completo