Tribunal Judicial de Leiria agendou leitura do acórdão do caso do condutor detido no concelho de Pombal

1 mes atrás 26

27 fev, 2024 - 04:46 • Lusa

De acordo com o despacho de acusação consultado pela Lusa, o arguido, de 46 anos, detido preventivamente, responde por um crime de tráfico de estupefacientes agravado.

O Tribunal Judicial de Leiria agendou para, esta terça-feira, a leitura do acórdão do caso do condutor detido no concelho de Pombal, em março de 2023, na posse de droga no valor de quase 600 mil euros.

De acordo com o despacho de acusação consultado pela Lusa, o arguido, de 46 anos, detido preventivamente, responde por um crime de tráfico de estupefacientes agravado.

O Ministério Público (MP) sustenta que, pelo menos desde novembro de 2022, o suspeito entregava "a terceiros" haxixe e cocaína, "mediante a entrega da respetiva contrapartida monetária".

Para tal, fez "diversas movimentações entre Portugal e Espanha com estadias curtas fora do território nacional".

Na manhã de 31 de março de 2023, quando foi mandado parar e fiscalizado pela Guarda Nacional Republicana (GNR), na Estrada Nacional 109, no concelho de Pombal, o automobilista transportava haxixe "perfazendo o total de 51.878 doses médias individuais diárias", e cocaína (8.513 doses), além de dois telemóveis, uma balança de precisão, uma faca e 855 euros.

Destaques V+

Ler artigo completo