Vingegaard já teve alta: «Obrigado pelo apoio e pelos desenhos»

1 mes atrás 55

Jonas Vingegaard, duplo vencedor da Volta a França, teve alta esta terça-feira, depois de ter sido operado à clavícula, após a queda aparatosa na Volta ao País Basco, segundo anunciou a equipa Visma-Lease a Bike.

«Jonas Vingegaard foi autorizado a deixar o hospital após a sua queda na Volta ao País Basco», lê-se no site da equipa neerlandesa.

Numa mensagem publicada na rede social da equipa, Vingegaard agradeceu a todo o pessoal médico pelo cuidado prestado desde a queda na quarta etapa da corrida basca, a 4 de abril.

«Queria agradecer a todos pelo apoio moral. Recebi muitas mensagens, presentes e desenhos. Foi reconfortante. Agora está na hora de recuperar totalmente», disse o vencedor das duas últimas edições do Tour.

Vingegaard caiu durante a quarta etapa da Volta ao País Basco, juntamente com mais de uma dezena de corredores, a cerca de 30 quilómetros da meta, tendo sido colocado em posição de segurança lateral pelos serviços de emergência, antes de ser retirado numa maca com assistência respiratória e um colar cervical.

Além de fraturas na clavícula e nas costelas, o dinamarquês sofreu uma contusão pulmonar e um pneumotórax.

A queda ocorreu numa descida e envolveu mais de uma dezena de corredores, com a organização a neutralizar a etapa, com muitas ambulâncias no local a assistirem os ciclistas.

Primoz Roglic (BORA-hansgrohe), que liderava a corrida, Remco Evenepoel (Soudal Quick-Step) e Jay Vine (UAE Emirates) também estiveram envolvidos na queda.

Ler artigo completo