Rússia vê resultados "quase nulos" na Cimeira de Paz para a Ucrânia

3 semanas atrás 51

"Se falarmos sobre os resultados desta reunião, eles são quase nulos", comentou o porta-voz do Kremlin (presidência), Dmitri Peskov, citado pela agência francesa AFP.

Segundo Peskov, muitos dos participantes compreenderam "que qualquer discussão séria não tem futuro sem a presença da Rússia".

O documento final da conferência foi assinado por países tidos como próximos da Rússia, como a Hungria, a Turquia e a Sérvia.

Na cimeira, o Ocidente reforçou o apoio a Kiev e rejeitou os termos apresentados por Moscovo para um cessar-fogo.

A cimeira reuniu mais de 90 países, incluindo Portugal, que esteve representado pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, e pelo chefe da diplomacia, Paulo Rangel.

Leia Também: Cimeira? "É um pequeno passo, o verdadeiro sucesso será o fim da guerra"

Ler artigo completo