Bruxelas pede mais informações no processo de fusão entre Air Europa e IAG

1 mes atrás 34

Depois de já ter exigido mais garantias e apontado “obstáculos significativos” à concorrência no processo de compra da Air Europa pela Iberia, a Comissão Europeia pediu agora mais informações às empresas.

A Comissão Europeia pediu mais informações na sua análise à compra da Air Europa pela Iberia, escreve o “Cínco Dias” esta segunda-feira. Isto depois de Bruxelas já ter pedido mais garantias e apontado “obstáculos significativos” no que diz respeito à concorrência.

Fontes da empresa, citadas pelo jornal, indicam que a “IAG trabalhará para disponibilizar todos os dados pedidos o mais depressa possível”, querendo que a Comissão Europeia autoriza a compra da companhia aérea com “todas as garantias”, referem.

“A operação vai permitir combinar a força da Iberia e da Air Europa em Espanha, o que trará benefícios importantes para os consumidores, para o hub de Madrid-Barajas e para a competitividade da economia do nosso país”, acrescentam ainda.

No entanto, os sinais vindos de Bruxelas não têm sido muito animadores. No final de fevereiro, o Financial Times adiantou que que a Comissão Europeia pediu mais garantias para que esta compra, avaliada em 500 milhões de euros, se concretize.

Por outro lado, as autoridades europeias referem ainda a possibilidade de diminuição das rotas internacionais e, neste contexto, um eventual aumento dos preços perante a menor concorrência entre as companhias aéreas.

Neste cenário, escreveu o jornal,  companhia aérea tinha “escassas” probabilidades de receber a aprovação do organismo europeu.

Ler artigo completo