FMI/Previsões: Fundo quer que bancos centrais evitem flexibilização prematura da política monetária

1 mes atrás 43

A sugestão consta do relatório da organização sobre a estabilidade financeira divulgado no âmbito das reuniões de Primavera do Fundo Monetário Internacional (FMI) e do Banco Mundial, que decorrem esta semana em Washington.

O FMI recomendou hoje aos bancos centrais que evitem a flexibilização monetária prematura e reajam adequadamente às expectativas excessivamente otimistas do mercado quanto a cortes nas taxas de juro.

A sugestão consta do relatório da organização sobre a estabilidade financeira divulgado no âmbito das reuniões de Primavera do Fundo Monetário Internacional (FMI) e do Banco Mundial, que decorrem esta semana em Washington.

Segundo o FMI, se os bancos centrais agirem demasiado cedo na descida das taxas de juro poderão contribuir para a flexibilização das condições financeiras e dificultar a última fase do processo da desinflação.

“Nos casos em que o progresso na desinflação for suficiente para sugerir que a inflação está a evoluir de forma sustentável em direção à meta, os bancos centrais deverão passar gradualmente para uma postura política mais neutra”, defende.

Paralelamente, alerta que o aperto quantitativo e a redução dos balanços dos bancos centrais precisam de “ser feitos com cuidado”, monitorizando cuidadosamente as questões de funcionamento do mercado e agir face a potenciais tensões.

Ler artigo completo